Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A minha vida dava uma série...

(qualquer semelhança com outras realidades, é pura coincidência!)



Domingo, 07.04.13

Uma grande Zumbada

Sempre tive um fascínio pela dança com ritmos alegres e bem mexidos, e também um desejo mais secreto...participar em danças deste género em grupo, ser bailarina profissional como aqueles da série "The Fame" por exemplo...sempre gostei de ver e imaginava-me muitas vezes a fazer o mesmo.

Assim que soube que íam haver aulas de "Zumba" perto da minha casa (e a um bom preço), inscrevi-me, e lá fui eu ontem à minha primeira aula. Cheguei ao local combinado, deparei-me com umas senhoras já com a sua idade um pouco avançada, sentadas, e na conversa, pensei logo para mim que devia ser mais do género ginástica ritmica ao som dos ABBA (com a música Chiquitita), com uma professora já cota, mas com alguma genica (fiquei um pouco decepcionada, porque me queria mexer um pouco mais).

Foram aparecendo mais senhoras, mais novas, umas mais da minha idade...e de repente aparece-me uma miúda com os seus 20 e poucos anos (era a instrutora), de t-shirt e uns mini calções, com tudo no sítio (e estava um frio de rachar), e com uma garrafa com um liquido cor de rosa (uma espécie de bebida energética, digo eu)...subiu ao palco, começou a pôr música e...ZUMBA com ela!!!

O meu sonho morreu ali naquele ginásio, logo nos primeiros minutos das coreografias, eu nunca imaginei que fosse tão descordenada, eu nem conseguia ouvir a música, a minha preocupação era imitar os passos da miúda, ou pelo menos fazer algo parecido, senti-me completamente perdida, como se fosse um homem (porque eles não conseguem fazer duas coisas ao mesmo tempo).

No dia anterior ainda imaginei que me fosse fartar de rir, mas nem para isso tive tempo, às tantas o grupo todo ía para um lado, e eu ía para o outro, eu fazia tudo, mas tudo mesmo, ao contrário.

Cheguei à triste conclusão que uma coisa é estar em casa e inventar sozinha umas coreografias engraçadas com o step, outra coisa é dançar igual a outra pessoa, é complicado...às tantas ainda pensei que se a miúda fizesse a dança virada de costas para nós, talvez fosse mais fácil seguir-lhe os passos, ou então se demonstrasse mais devagar os passos antes de colocar a música, não sei...mas se calhar o mal está em mim mesmo, não tenho vocação, pronto, tenho que me conformar...

Mas apesar de tudo, vou continuar nas aulas, ainda tenho uma réstia de esperança que se dê uma reviravolta e caía em mim o espírito do Michael Jackson ou alguém com um "power" parecido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por Patrícia Madeira às 14:14


1 comentário

De a.r. a 08.04.2013 às 15:14

Ahah muito bom! Continuaçao de boas zumbadas então!

Comentar post




Acerca de mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Abril 2013

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930

Visitas

HTML Hit Counters
Web Counter



Blogues e páginas que sigo

TRALHAS E PASSATEMPOS

CULINÁRIA

DIVERSOS E FAVORITOS

LEITURA

MODA E BELEZA